Mês: maio 2013

Tudo pelo poder

Na política, até os mocinhos são bandidos. É o que nos diz o filme “Tudo pelo poder”, dirigido por George Clooney e protagonizado por ele e Ryan Gosling. Clooney interpreta Mike Morris, governador da Pensilvânia, que deseja concorrer à presidência dos Estados Unidos pelo partido Democrata. Para atingir seu objetivo, ele precisa vencer a disputa

As ferramentas do escritor

Você já leu esta frase em algum lugar, mas… here we go again: se engana quem pensa que escrever é um trabalho fácil, livre de cansaços e estresses. Escrever, na verdade – e você já deve ter lido isto em algum lugar também -, é um trabalho muitas vezes chato. Se estivermos falando de textos

Entrevista com Ivan Angelo

A entrevista que você lerá a seguir, apesar de inédita, está pronta há quase 1 ano. A intenção era publicá-la na revista eletrônica de contos Outros Ares, editada por mim e pelo jornalista, escritor e tradutor Marcelo Barbão. Por questões de tempo – tanto eu quanto o Barbão, felizmente, passamos a trabalhar mais ainda de

Eu, eu mesmo e meus livros

Inspirado pelo livro de Jacques Bonnet, resolvi fazer uma contagem dos meus livros. A conclusão a que cheguei é de que ainda falta um pouco para chegar à quantidade de títulos que eu desejo ter, que é a de 750. Se eu realmente conseguir isso, precisarei de muita disciplina para manter esse número. Para cada

Fantasmas na biblioteca, de Jacques Bonnet

“Continuo brincando de não ser cego, continuo comprando livros; continuo enchendo minha casa de livros. Um dia desses me ofereceram uma edição da Enciclopedia Brockhaus de 1966. Senti a presença daquela obra na minha casa, senti essa presença como uma espécie de felicidade. Lá estavam os vinte e tantos volumes impressos numa letra gótica que

Jaime Prado Gouvêa no Paiol Literário

O escritor mineiro Jaime Prado Gouvêa não é muito chegado a falar em público. Por isso, é um pecado não assistir à conversa entre ele e o também escritor Luís Henrique Pellanda proporcionada pelo Paiol Literário, evento organizado pelo jornal Rascunho, de Curitiba, em parceria com o Sesi Paraná, a Fundação Cultural de Curitiba e

Explicando a mudança de nome e de endereço

Em maio de 2006 – 7 anos atrás – inaugurei o meu terceiro blog: o Entretantos. O endereço era gratuito (rafaelrodrigues.wordpress.com), e por lá fiquei até janeiro de 2007, quando mudei para um domínio próprio (entretantos.com.br). Tempos depois, consegui levar o Entretantos para o site da revista Bravo! (bravonline.abril.com.br/blogs/entretantos). Isso foi em abril de 2010.